Marchas 2018: Cabeçudes 2018

0

Cabeçudes 2018

Letra: Emanuel Meca
Arranjos Musicais: Rui Talhadas
Cantam: Nicholas Bem e Gonçalo Lourenço

“Cabeçudes 2018”

A marginal tá linda
Tá a barraca armada
Anda mais carres no passê
Que andam no mê da estrada
Vamos lá embora
Põe o cabeçudo
Já chegou a hora
Taí o entrudo
Marionetas e tachinhes
E barrigadas de rize
Pós cabeçudes não há nada
Na têm estudes pra isse

Na pista do elevador
Fizerem lá escavações
Só se acusou na sonda
Um corse de tubarões

No farol há um museu
No guelim tá um estendal
A lota já seca pêxe
Cabeçudes é carnaval
Quem é cabeçude
Põe a cabecinha
Tá aí o entrudo
Pá nossa maltinha…




DEIXA UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.